Conscientização ambiental é dever de todos

A sustentabilidade, seja ela econômica, social ou ambiental, está presente nas nossas ações diárias. Foi a partir deste cenário que a engenheira agrônoma do Programa SOS Sustentar, Joziane Stürmer, explicou a necessidade de mudanças no nosso dia a dia que garantam a nossa sobrevivência. Durante as palestras realizadas, aos acadêmicos do curso de Gastronomia da Unochapecó e na Cetric, a engenheira apresentou dicas e dados técnicos relacionados a sustentabilidade, nesta terça-feira (17) e quarta-feira (18).

Dados do início deste mês, explica Joziane, apontam que em 2014, a temperatura média do planeta irá chegar em 1°C, metade da temperatura considerada perigosa por especialistas. “O El Niño contribui para isso e a ação do homem também. Ser sustentável é pensar em nós e nos demais seres humanos. Precisamos mudar nossas atitudes. A atitude de reciclar, por exemplo, inicia por nós e podemos ser multiplicadores destas boas ações”, destaca Joziane.

PARCERIA NO CONHECIMENTO

A professora do curso de Gastronomia, Maria Regina Martinazzo, comenta que o encontro contribuiu de forma significativa, pois os alunos puderam verificar como os produtos utilizados e manipulados na cozinha, podem sim, serem produzidos de forma sustentável. “Hoje a sustentabilidade é vista na Gastronomia como uma aliada, pois valoriza muito quem produz e o que é regional e local”, frisa.

A engenheira química da Cetric, Loana Defaveri Fortes, explica que a Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho e Meio Ambiente (Sipatma), é realizada anualmente e busca conscientizar o público sobre as ações de preservação ambiental. “O SOS Sustentar estando presente no nosso evento é de extrema importância, pois conscientiza os colaboradores sobre as ações desenvolvidas em prol do meio ambiente”, destaca.

Compartilhe nas redes sociais